link href='http://fonts.googleapis.com/css?family=Roboto' rel='stylesheet' type='text/css'/>

8 de nov de 2013

Share Button

Sangue Bom e Além do Horizonte: O começo e o fim das novelas da 19h


Sangue Bom chegou ao fim na última Sexta-Feira, e deixou um vazio na programação da TV aberta pois foi a melhor produção deste ano. A novela de Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari sucedeu Guerra dos Sexos, que não fechou tão bem de audiência, e acabou começando com pouca visibilidade, fato que acabou prejudicando seu excelente desempenho, já que poucos tiveram a oportunidade de acompanhar a excelente trama das 7 horas.

O humor escrachado e rasgado, misturado à crítica ao mundo das celebridades, a mídia e até a nós mesmos, fizeram, cerca de 6 meses que ficou no ar, nos fazer rir, chorar, brigar e até refletir. O grande destaque da novela foram os protagonistas que dividiram as opiniões de todos do começo ao fim, quem era fã da dúbia Amora no começo, no fim era totalmente contra, mas sem deixar de ter -pelo menos um pouco de- pena do final que ela teve. 


Falar sobre o texto de Sangue Bom é complicado, pois foi muito bem amarrado, e além de tudo justificado e ousado, pois criticar a mídia no maior veículo de comunicação do país que sempre foi rígida em suas produções, não é pra qualquer um. Fotografia, direção, elenco e produção não deixaram a desejar e o colorido e a beleza que vimos farão muita falta. Pena que sua repercussão não tenha acompanhado sua qualidade técnica, pois certamente podemos considerar que Sangue Bom foi a Avenida Brasil de 2013.

Agora é aguardar para que a dupla Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari voltem logo e com outra trama tão interessante quanto para prender a nossa atenção com mais humor, drama e ação que nos proporcionaram desta vez.


 Nesta Segunda-Feira estreou Além do Horizonte, com uma proposta diferente e inovadora para o horário, o suspense com o drama como fio condutor, além da similaridade com a série Lost, grande sucesso americano dos últimos anos.
O elenco jovem, que parece ser a nova aposta da Globo para o horário das 7h, encabeça o tema central que é a busca pela felicidade, cada um por um motivo diferente, vão pra um lugar que acreditam ter tudo o que sempre sonham, lugar este onde vão se conhecer e desvendar vários mistérios. 

Isso ficou claro no primeiro capítulo, os protagonistas tomando a decisão de irem em busca da felicidade, e um lugar distante que demonstrou ser cheia de mistérios. Ficou evidente que houve uma preocupação dos autores e da direção em amarrar direitinho esses dois pontos da trama, o que é algo positivo, já que a novela anterior tinha uma pegada totalmente diferente -um folhetim tradicional e humorístico-, era necessário adaptar ao telespectador ao novo formato e ritmo que a novela vai abordar.


Fotografia, elenco, e cenários são outros pontos altos que merecem destaque. Elenco não é de tanto de se espantar, já que a Globo possui grandes nomes da dramaturgia brasileira, mas em se tratando de novela das 19h, nomes como Marcello Novaes, Flávia Alessandra e Alexandre Nero dão mais visibilidade para a produção. A Fotografia é o ponto alto, e que está se aperfeiçoando em todas as telenovelas da emissora nos últimos anos.

A abertura, que tem o nomo homônimo à trama, foi algo que surpreendeu a quem esperava a versão da música cantada pelo Jota Quest. Erasmo Carlos embalou a viagem pelos cenários da trama entre os personagens com uma versão mais tranquila da canção, e que ficou muito boa em seu contexto.

O primeiro capítulo marcou 24 pontos de audiência em São Paulo, o pior já registrado por uma novela das 7h, mas isso não quer dizer que a novela está fadada ao fracasso, mas sim que no horário o público está acostumado a ver outro tipo de folhetim, e precisa se acostumar ao novo tema apresentado. 
Tomara que nas próximas semanas, já com o desenrolar definitivo dos personagens, a novela tome um rumo melhor de repercussão e audiência, além é claro de mostrar que a telenovela pode se reinventar e sair do "comodismo" que está atualmente. 

Sangue Bom e Além do Horizonte provam que a telenovela pode mudar e melhorar ainda mais!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Televizona - 2015 - 2016. Todos os direitos reservados. A maioria das imagens e vídeos publicados aqui neste blog, são reproduções de materiais já existentes na rede. Caso você ou sua empresa possuam direitos sobre algum desses itens, entre em contato para solicitar a retirada ou inclusão de créditos dos mesmos, se assim preferir.
Criado por Henrique Alves
imagem-logo